De uns tempos pra cá tenho observado muito a relação das pessoas com a comida. Um dia desses deparei com um post no facebook que tinha a foto de um pão, e os comentários diziam algo como "só de olhar para este pão, minha boca enche d'água, tem mais de um mês que eu não posso nem chegar perto" ou ainda "maledeto carbo" e por último, "eu como o pão de manhã e mais nada o resto do dia, mas não deixo de comê-lo!". Por outro lado, em outra ocasião escutei "claro que esta bolacha faz bem à saúde, não tem gosto de nada!" e "é bem ruinzinha, mas eu como porque tem praticamente nada de calorias". E por último, as pessoas chegam no consultório e dizem "o meu problema é que eu gosto de comer". Minha gente, não é nada disso!! Gostar de comer não é problema... é solução! Comer é mesmo um prazer e ...

Continuar lendo...

Nesta semana o Ministério da Saúde publicou a versão atualizada do Guia Alimentar para a População Brasileira. Este é um documento oficial que tem por objetivo a promoção de saúde e boa alimentação, e aborda os princípios e recomendações de alimentação adequada e saudável à toda a população. Anterior a este, a ultima publicação tinha sido em 2006, e focava bastante em grupos alimentares e porções recomendadas. O foco agora não é mais tanto o combate a desnutrição (que vem em queda já há algum tempo), mas sim a prevenção de doenças crônicas como obesidade, diabetes e doenças cardíacas (crescentes em todo o mundo). A versão 2014 é moderna e trata da alimentação com um olhar bastante interessante, vai muito de encontro com o que eu acredito e tenho usado na minha prática clínica - é nutrição e alimentação saudável aplicada à mudanças de comportamento para atingir objetivos. Eu adorei! ♥ O Guia ...

Continuar lendo...

Além de um bom molho caseiro (veja opções neste link), outro ponto importante para que a salada saudável do dia a dia seja sempre variada e apetitosa, é apostar na variedade em sua composição, sabores e texturas: o clássico alface-tomate-cebola é ótimo, mas não precisa (e nem deve) ser a única opção do cardápio de casa para as saladas. Dica 01 - folhas: A sugestão aqui sair do trivial alface/rúcula e inovar nas folhas: acelga, chicória, escarola, couve, folhas de beterraba, alface roxa, agrião, almeirão, espinafre, repolho roxo e branco, endívias... Sei que é hábito de muitas pessoas consumir algumas destas folhas na forma cozida/refogada, mas consumi-las cruas pode preservar muitos nutrientes e ajuda a variar a cara da salada. Outra boa ideia aqui, é optar pelas folhas baby, ou ainda inovar com brotos e flores comestíveis. Dica 02 - legumes: Além das folhas, uma salada colorida pede boa variedade de legumes. Experimente colocar na sua salada ...

Continuar lendo...

Com a chegada do calorzinho, a salada já começa a ficar mais apetitosa para muita gente. É ótimo frequentar os restaurantes por quilo e reparar que o prato das pessoas começa a ficar mais colorido nesta época.. rsrs. Mas é claro que tem alguns ingredientes que deixam sua salada não tão saudável assim (lembram deste post? Inocente saladinha... só que não!) Então começa hoje o Guia Nutrir Bem para uma salada saudável! O primeiro tópico a ser abordado não poderia ser outro se não os molhos de saladas industrializados. Isso porque, a grande maioria deles é riquíssimo em sódio e gorduras - e este pequeno detalhe pode mesmo fazer da sua salada não tão saudável quanto você gostaria. Pois bem, além da dose extra de calorias e abusivos teores de sódio, os molhos industrializados para saladas normalmente contém também outros aditivos não tão saudáveis, como os corantes, conservantes e aromatizantes, que podem atrapalhar o ...

Continuar lendo...

No último final de semana, postei no insta (@blognutrirbem) uma foto do meu mais novo hobby: minha composteira! Compostagem Por definição, "compostagem é o conjunto de técnicas aplicadas para estimular a decomposição de resíduos orgânicos por organismos heterótrofos aeróbios, a fim de se obter, de forma rápida, um material rico em substâncias húmicas, nutrientes e minerais". Ou seja, é ter uma pequena criação de minhocas, e alimentá-las com cascas de frutas, sobras de verduras e legumes etc, para que elas produzam adubo para suas plantinhas! Não é o máximo?! Projeto Composta SP É um projeto da prefeitura de São Paulo, que tem por objetivo conscientizar e incentivar a população a usar seus resíduos orgânicos e fazer a compostagem doméstica. Dentre os inscritos, 2 mil famílias foram selecionadas a participar voluntariamente do projeto, e receberam um kit de compostagem e plantio. Um dos objetivos do projeto é colher informações sobre os hábitos de compostagem das ...

Continuar lendo...

Não é raro as pessoas chegarem no consultório para uma consulta clássica de perda de peso, e pedirem pela fórmula mágica do emagrecimento. Muitos até insistem por "alguma coisa, daquelas naturais e que não fazem mal, mas que ajudem a emagrecer". Claro que existem coisas naturais, que não fazem mal e que ajudam sim no processo de perda de peso: frutas, verduras e legumes. É impressionante o quanto as pessoas não querem comer estes grupos alimentares, mas adorariam tomar uma pequena cápsula... No último sábado, estive em um evento para profissionais da saúde, onde pude assistir algumas palestras com o tema "Alimentos Funcionais". Conheci um projeto chamado 5 ao dia, no qual as pessoas são incentivadas a consumir ao menos 5 porções de frutas, verduras e legumes por dia para prevenir-se de várias doenças, como as cardíacas, excesso de peso, e até câncer. O ponto é que as cores variadas das frutas e ...

Continuar lendo...

01/08 e, pelo terceiro ano, não haveria como deixar passar em branco o dia mundial da amamentação. A amamentação é com certeza uma parte muito importante dentro da nutrição humana, e também por isso, uma das que mais me encanta. A amamentação é uma das grandes provas da perfeição que o corpo humano trabalha, de como o instinto de sobrevivência ensina o binômio mãe-bebê a se conhecer e se adaptar à nova fase. Nem sempre é tão simples como parece ou como gostaríamos, e a verdade é que dá trabalho, exige paciência e dedicação da mãe. Mas o depoimento que minha paciente Giuliana deu no ano passado, publicado em comemoração à este dia (veja aqui), deixa mais do que claro o quanto vale a pena! Para este ano, a comemoração para o dia da amamentação está dedicada àquelas que ainda vão iniciar o processo. "Teach me how to breast feed" (ou, "Ensine-me a amamentar") ...

Continuar lendo...

Não tem como negar, a copa já está rolando e é inevitável que o país pare para assistir aos jogos. No melhor estilo Monday Motivation, preparei aqui uma lista de 10 petiscos saudáveis, para começar a semana com pique para curtir os jogos, mas sem ter que apelar para as opções industrializadas e cheias de gordura e sal. #1 Pipoca Sim, pipoca é uma ótima opção com ótimos valores nutricionais. É um carboidrato riquíssimo em fibras, o que faz com que seja absorvido de forma lenta e por isso fornece energia de forma prolongada. Mas atenção: pipoca só se for de panela! As de microondas são cheias de gorduras e sal e não valem o consumo. Mais detalhes sobre os benefícios da pipoca, você pode ver neste post. #2 Nuts Mix de castanhas é sempre uma boa opção. O maior diferencial das castanhas são as gorduras do bem, que atuam como anti-inflamatórias, e por isso ajudam ...

Continuar lendo...

Depois de um feriado prolongado, trabalho acumulado e o blog alguns dias fora do ar, volto com novidades! :) Na semana que vem encerraram as inscrições para o Enem 2014, o que já deixa muito vestibulando em estado de nervos, pois a preparação intensa precisa começar logo! A boa notícia é que o site SouVestibulando se empenhou em preparar a Semana Top Enem. A Semana Top Enem é um congresso online gratuito, que reuniu grandes nomes da educação online e preparou uma série de aulas e palestras para reforçar seu conhecimento e arrebentar no Enem 2014. São temas diversos com abordagens diferenciadas para impulsionar este seu primeiro passo rumo à realização profissional. Top mesmo, né? E então, adivinhem? Sou uma das palestrantes, e preparei um material que diz quais são os nutrientes importantes e os que são absolutamente dispensáveis no seu período de estudos e provas, sempre com o objetivo de aumentar a capacidade de ...

Continuar lendo...

Há quem diga que os alimentos orgânicos estão na moda. Eu particularmente não sei se é moda ou se as pessoas estão mais conscientes sobre sua alimentação (prefiro esta opção), mas a parte boa deste recente boom em cima dos orgânicos tem sido sua popularização. Em 2012 já havia feito um post sobre alimentos orgânicos. Prometi a uma paciente que faria uma re-edição sobre ele e para isso fui reler o antigo post. Fiquei feliz em perceber o quanto o panorama de oferta de produtos orgânicos mudou. Naquele post (leia-o aqui) eu disse que os alimentos orgânicos no geral eram mais caros e mais difíceis de encontrar. E realmente eram! Acontece que, por estarem mais difundidos entre a população, hoje em dia tem mais gente procurando por orgânicos do que em 2012, e graças à isso tem sido cada vez mais fácil encontrar alimentos orgânicos à preços justos no mercado. Além disso, um produtor ...

Continuar lendo...