Não é raro as pessoas chegarem no consultório para uma consulta clássica de perda de peso, e pedirem pela fórmula mágica do emagrecimento. Muitos até insistem por "alguma coisa, daquelas naturais e que não fazem mal, mas que ajudem a emagrecer". Claro que existem coisas naturais, que não fazem mal e que ajudam sim no processo de perda de peso: frutas, verduras e legumes. É impressionante o quanto as pessoas não querem comer estes grupos alimentares, mas adorariam tomar uma pequena cápsula... No último sábado, estive em um evento para profissionais da saúde, onde pude assistir algumas palestras com o tema "Alimentos Funcionais". Conheci um projeto chamado 5 ao dia, no qual as pessoas são incentivadas a consumir ao menos 5 porções de frutas, verduras e legumes por dia para prevenir-se de várias doenças, como as cardíacas, excesso de peso, e até câncer. O ponto é que as cores variadas das frutas e ...

Continuar lendo...

O inverno já começou oficialmente há 10 dias mas parece que foi mesmo só agora que o frio resolveu aparecer. Eu sei que há quem goste, mas definitivamente, o frio não é pra mim. E uma das poucas coisas que me agradam nesta temperatura quase polar são as infinitas possibilidades de sopas! Imagem da internet As sopas são bastante versáteis, podem ser pequenas entradas ou pratos principais. Separei algumas receitas que são campeãs de audiência na minha casa, e segue aqui para inspirar quem for se aventurar na cozinha. Imagem da internet Caldo verde adaptado: Inventamos na semana passada uma versão mais saudável e foi um sucesso. Cozinhamos 5 batatas, 2 cenouras, alho, cebola e ervas em aproximadamente 1,5L de água. Depois batemos tudo no liquidificador, e formou-se um creme alaranjado. A couve picadinha foi adicionada minutos antes de servir. Este mesmo creme de batata e cenoura pode ser usado para uma versão com alho ...

Continuar lendo...

Não tem como negar, a copa já está rolando e é inevitável que o país pare para assistir aos jogos. No melhor estilo Monday Motivation, preparei aqui uma lista de 10 petiscos saudáveis, para começar a semana com pique para curtir os jogos, mas sem ter que apelar para as opções industrializadas e cheias de gordura e sal. #1 Pipoca Sim, pipoca é uma ótima opção com ótimos valores nutricionais. É um carboidrato riquíssimo em fibras, o que faz com que seja absorvido de forma lenta e por isso fornece energia de forma prolongada. Mas atenção: pipoca só se for de panela! As de microondas são cheias de gorduras e sal e não valem o consumo. Mais detalhes sobre os benefícios da pipoca, você pode ver neste post. #2 Nuts Mix de castanhas é sempre uma boa opção. O maior diferencial das castanhas são as gorduras do bem, que atuam como anti-inflamatórias, e por isso ajudam ...

Continuar lendo...

A segunda parte do post sobre a viagem à Belém não podia ser outra se não a experiência do Mercado Ver-o-Peso, um dos lugares dos quais eu estava mais ansiosa para conhecer em Belém. O mercado fica às margens da Baía do rio Guajará e era o posto fiscal onde se media o peso das mercadorias que chegavam pelo rio para se cobrar os impostos para a coroa portuguesa. Hoje, é considerado a maior feira ao ar livre da América Latina. Atualmente o ver-o-peso abastece Belém (e seus turistas) com diversos produtos alimentícios e ervas medicinais, vindos via fluvial do interior do Pará. Um taxista me contou que as mercadorias começam a chegar perto da 01h da manhã, e o maior movimento é até às 7h, quando os revendedores abastecem suas despensas. E por mercadoria entenda: de frutas, legumes, verduras, até castanhas, farinhas e animais vivos! Depois das 7h, o mercado continua em pleno funcionamento ...

Continuar lendo...

Este post está no forno há algum tempo, e fico feliz em ver que finalmente chegou o dia dele entrar no ar. No ultimo feriado, por conta de uma festa de família, fiz uma viagem à Belém.. e é claro que o turismo e gastronomia não ficariam de lado! Viagens como esta me fazem lembrar o quanto nosso país é grande. Foram pouco mais de 3h de avião para poder viver alguns dias em meio a hábitos de vida as vezes tão diferentes dos nossos aqui no sudeste. Aproveitei esta experiência para conhecer mais preparações e ingredientes que são tão típicos brasileiros, mas que pela distância geográfica de suas origens, correm o risco de passar desapercebidos na nossa cultura alimentar. Este post foi dividido em duas partes para que não ficasse muito longo. Nesta primeira parte, separei 3 ingredientes e preparações que são absolutamente típicos da região Norte do Brasil, e que ...

Continuar lendo...

Fiquei encantada com esta receita! Não sei se pelo fato do consumo da framboesa ser infelizmente difícil no Brasil (a framboeseira só sobrevive à temperaturas muito baixas, durante longos períodos no ano) ou se por ser um sorbet, que é naturalmente leve e gostoso. A framboesa é uma frutinha muito delicada, com uma cor linda, oca por dentro, e com um sabor super doce. Tem baixo valor calórico e é rica em vitaminas (especialmente B1, B5 e C), proteínas e fibras. Uma receita de sorbet é normalmente bem simples, e seu benefício em relação a um sorvete comum é que sua base é água, e por isso, não contém nenhum tipo de gordura. Esta receita de sorbet de framboesa eu adaptei de uma outra (que era de gelatina) que encontrei na internet. Mas uma coisa que gostei dela é que, se for necessário usar açúcar, a quantidade é mínima. Isto porque além do ...

Continuar lendo...

Feliz 2014, minha gente! Está certo que o ano já começou há exatos 20 dias, mas acho que desejos de felicitações nunca são demais, certo? :) Andei pensando bastante sobre o que seria mais legal para começar o ano do blog. Voltei de férias, voltei aos atendimentos nos consultórios e andei lendo algumas coisas por aí, e é claro que neste período não há outro assunto senão “detox” ou “como se livrar dos exageros do final de ano”. Achei que seria justo eu também dar minhas dicas e pitacos sobre este assunto. A ideia é a seguinte: durante anos e anos e anos nosso organismo sempre deu conta de se livrar de toxinas sozinho. Como colocou a querida Vanessa, do Santa Dieta, “um corpo saudável e equilibrado, em homeostase , vai se purificar perfeitamente, com pouca ou nenhuma ajuda externa”. Claro que há fases ou períodos que sentimos nosso corpo sobrecarregado, por ...

Continuar lendo...

Saladas são sempre a primeira lembrança quando se quer tornar a alimentação mais saudável e perder peso. Ainda mais com a chegada do calor, a escolha pelas saladas como prato principal é frequente. Mas tenha cuidado e atenção na hora de montar sua saladinha. Nem sempre seus ingredientes a deixam tão inocente quanto deveria ser... Escolha sempre ingredientes frescos, e entre as verduras e legumes, estão todos liberados. Crus, cozidos, tanto faz. São eles que irão garantir o bom valor nutricional da salada, com baixas calorias. E aposte na variedade, quanto mais colorida estiver sua salada, mais nutritiva ela será! O cuidado deve aparecer nos outros itens que irão compor seu prato. Evite, por exemplo, colocar mais de uma fonte de carboidrato: se for colocar croutons, não coloque batatas, se for comer com pão, não adicione macarrão, etc. A mesma regra vale para as proteínas animais: opte por frango ou atum ou ...

Continuar lendo...

Semana de provas, entrega de trabalhos, vestibulares, trabalho de conclusão de curso... são tantas exigências que as exatas 6 semanas que restam até o final do ano parecem ser mais longas e atribuladas do que o ano inteiro. Por isso, os estudantes procuram mil maneiras de fazer render ao máximo cada minuto precioso de estudo. A boa notícia é que há inúmeras estratégias alimentares e alimentos que podem e devem ser usados como instrumentos para potencializar os efeitos de memória, concentração e cognição de quem está nesta fase. Quer ver? Atendendo a pedidos, segue um exemplo de cardápio funcional para os estudantes aflitos arrebentarem em todas as provas e testes que estão se aproximando: Repare que as refeições estão fracionadas. Isto porque longos períodos em jejum podem privar seu cérebro de energia, e reduzir seu rendimento em termos de raciocínio, atenção e concentração.   E aqui, relacionando o alimento com sua propriedade, entenda o ...

Continuar lendo...

Tem gente que diz que fruta só combina com calor, que no frio elas não matam a fome e não dá vontade de comer. Já eu, acredito que é tudo uma questão de apresentação da fruta, e disposição à comê-la! Um dia desses, encontrei no portal "Comer Para Crescer" sugestões para animar a criançada a comer frutas, mesmo no frio. E eu, que sei que tem muito adulto por aí que rejeita as frutinhas, me inspirei nas sugestões deles, para não sobrar nenhuma desculpinha para deixarmos as frutas de lado... mesmo nos dias mais frios! #1 Frutas cozidas/assadas/grelhadas Essa é clássica. Assar no forno ou microondas, cozinhar em pouca água ou grelhar, faz das frutas um lanche saudável e quentinho. E mais: frutas quando cozinhas têm seu sabor doce acentuado. Banana, maçã, pera e abacaxi são boas sugestões para cozinhar. Uma pitadinha de canela em pó, alguns cravos, ou ainda, raspas de limão ...

Continuar lendo...