Sair da rotina é sempre bom, voltar à ela nem sempre é fácil... mas é preciso! E cá estou eu, de volta das minhas mini-férias e, finalmente, de volta às atividades :) Estou pensando neste post desde meus primeiros dias na França, quando inevitavelmente comecei a olhar de forma crítica os hábitos alimentares franceses. Apesar da manteiga ser praticamente a base da culinária francesa, é admirável ver o quanto eles se preocupam em se alimentar de forma saudável. Todos os restaurantes oferecem legumes e/ou saladas, e mesmo os fast foods têm esta opção como acompanhamento. Algumas das minhas refeições Foi também bem fácil encontrar alimentos industrializados de boa qualidade: sucos sem adição de açúcar, barrinhas de cereais compostas 100% de frutas e sementes oleaginosas, refeições prontas sem nada de conservantes ou sódio, granolas riquíssimas em fibras, e em todos os mercados uma grande área reservada para oferecer produtos orgânicos. Suco natural puro, sem açúcar; ...

Continuar lendo...

No último final de semana, postei no insta (@blognutrirbem) uma foto do meu mais novo hobby: minha composteira! Compostagem Por definição, "compostagem é o conjunto de técnicas aplicadas para estimular a decomposição de resíduos orgânicos por organismos heterótrofos aeróbios, a fim de se obter, de forma rápida, um material rico em substâncias húmicas, nutrientes e minerais". Ou seja, é ter uma pequena criação de minhocas, e alimentá-las com cascas de frutas, sobras de verduras e legumes etc, para que elas produzam adubo para suas plantinhas! Não é o máximo?! Projeto Composta SP É um projeto da prefeitura de São Paulo, que tem por objetivo conscientizar e incentivar a população a usar seus resíduos orgânicos e fazer a compostagem doméstica. Dentre os inscritos, 2 mil famílias foram selecionadas a participar voluntariamente do projeto, e receberam um kit de compostagem e plantio. Um dos objetivos do projeto é colher informações sobre os hábitos de compostagem das ...

Continuar lendo...

Já foi estrela de muitas capas de revista, e ainda hoje existem controvérsias a respeito do seu consumo regular. Eu, particularmente, sou fã, e considero o ovo um alimento de altíssimo valor nutricional. (imagem da internet) 6 ótimos motivos para consumir: # Valor nutricional Baixo valor calórico, fácil digestão, o ovo é rico em proteínas de alto valor biológico, especialmente na clara, que também é rica em sódio e potássio. A gema é principalmente composta por gorduras, em sua maioria insaturadas (as gorduras boas) e colesterol. Dentre os micronutrientes, a gema tem grandes quantidades de fósforo, cálcio, ferro e vitaminas A, E, K e principalmente B12. Ao contrário de muitos modismos por aí, o interessante é consumir o ovo inteiro e não apenas a clara!! :) # Mas e o colesterol? O ovo contém cerca de 220mg de colesterol, perto da quantidade máxima recomendada por dia, de 300mg. No entanto, estudos recentes não têm mostrado associação ...

Continuar lendo...

Não é raro as pessoas chegarem no consultório para uma consulta clássica de perda de peso, e pedirem pela fórmula mágica do emagrecimento. Muitos até insistem por "alguma coisa, daquelas naturais e que não fazem mal, mas que ajudem a emagrecer". Claro que existem coisas naturais, que não fazem mal e que ajudam sim no processo de perda de peso: frutas, verduras e legumes. É impressionante o quanto as pessoas não querem comer estes grupos alimentares, mas adorariam tomar uma pequena cápsula... No último sábado, estive em um evento para profissionais da saúde, onde pude assistir algumas palestras com o tema "Alimentos Funcionais". Conheci um projeto chamado 5 ao dia, no qual as pessoas são incentivadas a consumir ao menos 5 porções de frutas, verduras e legumes por dia para prevenir-se de várias doenças, como as cardíacas, excesso de peso, e até câncer. O ponto é que as cores variadas das frutas e ...

Continuar lendo...

01/08 e, pelo terceiro ano, não haveria como deixar passar em branco o dia mundial da amamentação. A amamentação é com certeza uma parte muito importante dentro da nutrição humana, e também por isso, uma das que mais me encanta. A amamentação é uma das grandes provas da perfeição que o corpo humano trabalha, de como o instinto de sobrevivência ensina o binômio mãe-bebê a se conhecer e se adaptar à nova fase. Nem sempre é tão simples como parece ou como gostaríamos, e a verdade é que dá trabalho, exige paciência e dedicação da mãe. Mas o depoimento que minha paciente Giuliana deu no ano passado, publicado em comemoração à este dia (veja aqui), deixa mais do que claro o quanto vale a pena! Para este ano, a comemoração para o dia da amamentação está dedicada àquelas que ainda vão iniciar o processo. "Teach me how to breast feed" (ou, "Ensine-me a amamentar") ...

Continuar lendo...

O inverno já começou oficialmente há 10 dias mas parece que foi mesmo só agora que o frio resolveu aparecer. Eu sei que há quem goste, mas definitivamente, o frio não é pra mim. E uma das poucas coisas que me agradam nesta temperatura quase polar são as infinitas possibilidades de sopas! Imagem da internet As sopas são bastante versáteis, podem ser pequenas entradas ou pratos principais. Separei algumas receitas que são campeãs de audiência na minha casa, e segue aqui para inspirar quem for se aventurar na cozinha. Imagem da internet Caldo verde adaptado: Inventamos na semana passada uma versão mais saudável e foi um sucesso. Cozinhamos 5 batatas, 2 cenouras, alho, cebola e ervas em aproximadamente 1,5L de água. Depois batemos tudo no liquidificador, e formou-se um creme alaranjado. A couve picadinha foi adicionada minutos antes de servir. Este mesmo creme de batata e cenoura pode ser usado para uma versão com alho ...

Continuar lendo...

Não tem como negar, a copa já está rolando e é inevitável que o país pare para assistir aos jogos. No melhor estilo Monday Motivation, preparei aqui uma lista de 10 petiscos saudáveis, para começar a semana com pique para curtir os jogos, mas sem ter que apelar para as opções industrializadas e cheias de gordura e sal. #1 Pipoca Sim, pipoca é uma ótima opção com ótimos valores nutricionais. É um carboidrato riquíssimo em fibras, o que faz com que seja absorvido de forma lenta e por isso fornece energia de forma prolongada. Mas atenção: pipoca só se for de panela! As de microondas são cheias de gorduras e sal e não valem o consumo. Mais detalhes sobre os benefícios da pipoca, você pode ver neste post. #2 Nuts Mix de castanhas é sempre uma boa opção. O maior diferencial das castanhas são as gorduras do bem, que atuam como anti-inflamatórias, e por isso ajudam ...

Continuar lendo...

A segunda parte do post sobre a viagem à Belém não podia ser outra se não a experiência do Mercado Ver-o-Peso, um dos lugares dos quais eu estava mais ansiosa para conhecer em Belém. O mercado fica às margens da Baía do rio Guajará e era o posto fiscal onde se media o peso das mercadorias que chegavam pelo rio para se cobrar os impostos para a coroa portuguesa. Hoje, é considerado a maior feira ao ar livre da América Latina. Atualmente o ver-o-peso abastece Belém (e seus turistas) com diversos produtos alimentícios e ervas medicinais, vindos via fluvial do interior do Pará. Um taxista me contou que as mercadorias começam a chegar perto da 01h da manhã, e o maior movimento é até às 7h, quando os revendedores abastecem suas despensas. E por mercadoria entenda: de frutas, legumes, verduras, até castanhas, farinhas e animais vivos! Depois das 7h, o mercado continua em pleno funcionamento ...

Continuar lendo...

Este post com os alimentos da época do mês de Junho marca o fim da série série "Tá na época", que começou em Julho/2013, logo após a série "Alimentos Juninos". Veja aqui a série com os alimentos juninos: Alimentos juninos: Milho Alimentos juninos: Pinhão Alimentos juninos: Amendoim Alimentos juninos: Mandioca Então, fechando o ciclo, os alimentos que entram em safra em junho já começam a dar o tom do inverno e têm carinha de festa junina Entrando em safra em junho Milho(Imagem da internet) Cupuaçu, laranja lima, maçã fuji, morango, gengibre, brócolis, couve, erva doce, espinafre, milho verde, amendoim e pinhão Mantêm-se em safra em junho Abóboras(Imagem da internet) abacate, atemoia, carambola, kiwi, laranja baia, mexerica, tangerina cravo e poncãn, uva estrangeira, abóbora d'água, abóbora japonesa, moranga, paulista e seca, abobrinha brasileira e italiana, batata doce, cará, ervilha, ervilha torta, inhame, jiló, mandioca, mandioquinha, agrião, almeirão, rabanete, repolho, salsa, batata, cebola Saindo de safra (Imagem da internet) alho poró, banana maçã e nanica, ...

Continuar lendo...

Este post está no forno há algum tempo, e fico feliz em ver que finalmente chegou o dia dele entrar no ar. No ultimo feriado, por conta de uma festa de família, fiz uma viagem à Belém.. e é claro que o turismo e gastronomia não ficariam de lado! Viagens como esta me fazem lembrar o quanto nosso país é grande. Foram pouco mais de 3h de avião para poder viver alguns dias em meio a hábitos de vida as vezes tão diferentes dos nossos aqui no sudeste. Aproveitei esta experiência para conhecer mais preparações e ingredientes que são tão típicos brasileiros, mas que pela distância geográfica de suas origens, correm o risco de passar desapercebidos na nossa cultura alimentar. Este post foi dividido em duas partes para que não ficasse muito longo. Nesta primeira parte, separei 3 ingredientes e preparações que são absolutamente típicos da região Norte do Brasil, e que ...

Continuar lendo...